Últimas notícias de economia, política, carros, emprego, educação, ciência, saúde, cultura do Brasil e do mundo. Vídeos dos telejornais da TV Globo e da GloboNews.
Grupo ativista pelo direito animal cobra ‘responsabilização’ de policiais militares envolvidos na morte de pitbull em Presidente Prudente

‘Não se pode admitir abusos, nem falta de respeito por parte da autoridade policial. Atitude dos policiais foi desarrazoada, desproporcional e sem justificativa’, pontua publicação em rede social. Grupo ativista pelo direito animal fez a publicação em uma rede social Reprodução/Facebook O grupo ativista pelo direito animal denominado Rede Proanimal Prudente publicou em uma rede social na tarde desta segunda-feira (20) um texto cobrando a “responsabilização dos envolvidos” na morte de um cão da raça pitbull ocorrida no período da manhã em uma residência na Cecap, em Presidente Prudente (SP), em decorrência de um tiro disparado por um policial militar durante a perseguição a um motociclista de 18 anos. Segundo a publicação feita pela Rede Proanimal Prudente, a família moradora da residência “está em choque pela perda brutal e violenta” do cachorro, “um animal dócil e de apenas 1 aninho”. “Não se pode admitir abusos, nem falta de respeito por parte da autoridade policial. Atitude dos policiais foi desarrazoada, desproporcional e sem justificativa”, pontua. Segundo a publicação feita pela Rede Proanimal Prudente, os policiais militares envolvidos na ocorrência “violaram a Declaração Universal dos Direitos dos Animais”. “Devem ser responsabilizados para que ações assim não sejam naturais e rotineiras na sociedade, eis que rompem o tecido social e nos remete ao Estado de Barbárie o que não é permitido”, salienta. Grupo ativista pelo direito animal fez a publicação em uma rede social Reprodução/Facebook A publicação lembra que “todos os animais têm o mesmo direito à vida” e que “todo o animal tem o direito a ser respeitado”. “O homem, como espécie animal, não pode exterminar os outros animais ou explorá-los violando esse direito; tem o dever de pôr os seus conhecimentos ao serviço dos animais Todo o animal tem o direito à atenção, aos cuidados e à proteção do homem”, prossegue. O texto publicado pela Rede Proanimal Prudente ainda cita que o dono do cachorro não soltou o pitibull para avançar nos policiais militares que o perseguiam. Após perseguição, suspeito solta cachorro pitbull em cima de policiais militares, que atiram e matam o animal “Ocorre que o cachorro estava em seu doce lar e quando seu dono chegou foi ao seu encontro. Sequer avançou no policial ou deu sinais que o faria. Total despreparo, barbárie. QUEREMOS A RESPONSABILIZAÇÃO DOS ENVOLVIDOS”, conclui a publicação. Em contato com o G1, a ativista Valéria Ribeiro, que é membro da Rede Proanimal Prudente, confirmou que o grupo endossa a publicação feita na tarde desta segunda-feira (20) em sua rede social. Ela ainda explicou que a Rede “é um grupo de protetores que luta por políticas públicas e pelo ativismo do direito animal”. Cão foi morto pela PM em Presidente Prudente Reprodução/Facebook/Rede ProAnimal Prudente Perseguição policial Na manhã desta segunda-feira (20), a Polícia Militar perseguiu por ruas e avenidas de Presidente Prudente um motociclista, de 18 anos, que, durante a fuga, transitou na contramão pelas vias públicas por onde passou. Os policiais seguiram o suspeito até a sua residência, no bairro Cecap. De acordo com informações do Boletim de Ocorrência registrado na Delegacia Participativa da Polícia Civil, o rapaz, depois de entrar em sua casa com a moto, soltou seu cachorro da raça pitbull, que estava preso, e o cão veio na direção dos policiais, que atiraram e mataram o animal. Ainda segundo o Boletim de Ocorrência, o tiro foi em legítima defesa, para evitar um possível ataque do animal. Também de acordo com o registro policial, durante a perseguição, o condutor subiu em canteiros, transitou pela contramão e cruzou semáforos no sinal vermelho. A fuga começou quando o suspeito notou a presença de uma viatura policial. Ao ser questionado, o motociclista alegou ter fugido por medo de ser multado, pois estava usando chinelos e a moto estava sem retrovisor. A moto foi apreendida e o suspeito, depois de ser ouvido, foi liberado. A ocorrência foi registrada na Delegacia Participativa da Polícia Civil como perigo para a vida ou saúde de outrem e trafegar em velocidade incompatível. Polícia Militar O G1 pediu um posicionamento oficial sobre o assunto à Polícia Militar do Estado de São Paulo, mas até o momento desta publicação não obteve resposta. Veja mais notícias em G1 Presidente Prudente e Região.
Mon, 20 Jan 2020 20:15:18 -0000
Empresário é morto a tiros na frente de casa em Balneário Camboriú

Ele estava com o sócio quando foi atingido por seis tiros. Autor do crime ainda não foi preso. Carro usado para homicídio de empresário foi encontrado perto do local do crime, em Balneário Camboriú. PM-SC/Divulgação Um empresário foi assassinado na frente de casa no Centro de Balneário Camboriú, no Litoral Norte, na manhã desta segunda-feira (20). Humberto Luis Cavazzotto, de 49 anos, foi atingido por seis tiros quando conversava com o sócio. O caso é tratado como execução, informou a Polícia Civil, e até a publicação desta notícia ninguém tinha sido preso pelo crime. Conforme o delegado Ícaro Malveira, responsável pelo inquérito, o autor do crime estacionou o carro perto da casa da vítima por volta das 8h. Como Cavazzotto tinha o costume de tomar chimarrão pela manhã com o sócio na frente da residência, o criminoso esperou o empresário sair de casa, desceu do veículo, foi até ele e atirou. "Era alguém que conhecia a rotina da vítima. Estamos trabalhando com a hipótese de execução. A possibilidade de latrocínio está descartada", disse Malveira. O crime foi por volta das 8h20. Casa onde empresário morava em Balneário Camboriú, no Litoral Norte. Patricia Silveira/NSC TV Segundo o delegado, Cavazzotto ainda tentou ir para dentro da casa, mas morreu na entrada da residência. Após os disparos, o bandido foi andando até o carro e deixou o local. O Voyage foi localizado a aproximadamente quatro quadras da casa. O carro tinha sido roubado em Itajaí, no domingo. O revólver usado no homicídio ainda não foi encontrado. Cavazzotto era empresario do ramo de fabricação de eixos para transporte de barcos, segundo a família disse à Polícia Civil. Ele morava sozinho. Veja mais notícias do estado no G1 SC
Mon, 20 Jan 2020 20:15:04 -0000
Depois de Alvim, quem mais?

O Secretario Especial da Cultura Roberto Alvim durante reunião com Irene Ferraz do Instituto Brasileiro do Audiovisual (Escola Darcy Ribeiro) em janeiro de 2020 Clara Angeleas/Secretaria Especial da Cultura Já me referi a Roberto Alvim em três de minhas colaborações para o G1. Primeiro, em 8 de agosto, a propósito de sua nomeação para cuidar do teatro da Funarte. Segundo, em 12 de novembro, quando ele foi escolhido por Jair Messias Bolsonaro como o homem que ia salvar a cultura da nação. Por fim, no fim do ano, quando me atrevi a fazer uma projeção nada otimista para este 2020 que, mal se inicia, já tem Roberto Alvim sendo outra vez notícia. Agora, para sua desdita. Como já falei de mais deste estranho personagem de nosso mundo inteligente, poupo-o agora. Deixo-o para que aproveite em sossego a merecida aposentadoria compulsória a que foi condenado por um presidente ingrato. Sim, porque Bolsonaro devia a Alvim, no mínimo, no mínimo, a tentativa de dar à nossa cultura um rumo nitidamente fascistoide. Certo, a palavra deve ser empregada com cuidado. Fascismo e derivados são termos com que, em geral, o lado de cá xinga o lado de lá, para ser xingado de volta da mesma forma. Fascista, em termos de ofensa, é quem pensa diferente de quem ofende. Mas, na verdade, é algo mais sério: política nacionalista, antiliberal, antidemocrática, que prevê uso de força para se ter nas mãos todos os segmentos da sociedade. É política que tão mais eficaz quanto mais censurados forem palavras e ideias de quem se opõe a ela. Pode ser que, até a histórica sexta-feira de 17 de janeiro, soasse como xingamento dizer que o projeto do governo para a cultura fosse, numa palavra, fascistoide. Porém, o plágio a Joseph Goebbels, um dos ideólogos do nazifascismo, ao som da música de Wagner, o compositor favorito do Terceiro Reich, partindo do homem ao qual nossa cultura foi entregue com “carta branca”, nos autoriza a usar a palavra. Como, no mesmo dia em que Alvim lembrou Goebbels, Bolsonaro exultou com o fato de, “depois de décadas, agora sim temos um secretário de cultura de verdade”, e como, já no dia seguinte, sua reação à fala de Alvim só aconteceu depois de muita pressão, de dentro e de fora do país, é de se acreditar que o presidente não pense muito diferente. Por aí, de que adianta especularmos agora sobre quem será o novo secretário de cultura? Regina Duarte ou Dante Mantovani, Carlos Vereza ou um bispo evangélico, pouco importa. Seja quem for, com ou sem coincidência retórica, terá de seguir pelo caminhos da arte heroica, nacionalista, conservadora, de luta contra ideologias de esquerda, com suas ações amparadas em profunda ligação com Deus, a pátria e família, Ou será tudo isso... ou não será nada.
Mon, 20 Jan 2020 20:14:20 -0000
Duas mulheres esfaqueiam homem por supostamente tentar abusar de criança em MT

Nem as mulheres, nem a criança foram localizadas pela polícia. O caso será investigado. Mulheres teriam desferidos golpes contra a vítima que caiu no quintal Polícia Militar - MT Um homem de 40 anos foi esfaqueado, no domingo (19), no Bairro Mário Raiter, em Sorriso, a 420 km de Cuiabá. Testemunhas disseram à polícia que duas mulheres teriam esfaqueado a vítima por, supostamente, ter tentado abusar sexualmente de uma criança. Ainda segundo as testemunhas, as mulheres seriam parentes da criança. No entanto, de acordo com a Polícia Militar, nem a criança, nem as mulheres foram localizadas. A Polícia Civil também confirmou a ocorrência e está investigando o caso. De acordo com o boletim de ocorrência, o homem foi encontrado caído no quintal de uma residência. Ele foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e levado para o Hospital Regional.
Mon, 20 Jan 2020 20:13:09 -0000
Mulher é agredida durante enterro de jovem em Cataguases

Ela estava junto com ele no momento em que foi morto a facadas na noite do último sábado (18), no Bairro Thomé. Briga ocorreu no Cemitério Municipal em Cataguases Marcelo Lopes/Reprodução Uma mulher, de 44 anos, foi agredida neste domingo (19), durante um enterro em Cataguases. Ela se envolveu em uma briga, no sábado (18), quando deixou um jovem, de 26 anos, que estava com ela, foi morto. Conforme a Polícia Militar (PM), a mulher foi até o enterro da vítima da briga, que era realizado no Cemitério Municipal São José. Segundo os militares, parentes do jovem não gostaram da presença dela no local e a agrediram com chutes e socos. Apesar da confusão, ninguém foi preso. Homicídio De acordo com a PM, a mulher foi até a casa do autor, de 58 anos, acompanhada do jovem, no sábado para cobrar uma dívida, no Bairro Thomé. Ela afirma ter uma filha com o homem, que não reconhece, mas que ainda assim havia se comprometido a lhe dar uma quantia mensal em dinheiro. Segundo os policiais, quando chegou à casa do homem, a mulher teria lhe chamado de forma insistente e tentado invadir o local. Foi neste momento que o autor abriu a porta e a briga começou, com agressões de todas as partes envolvidas. Após a confusão, a mulher foi socorrida por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levada para o Pronto Socorro do Hospital de Cataguases, onde foi atendida, recebeu curativos e foi liberada. A perícia técnica da Polícia Civil esteve no local do crime e realizou os trabalhos necessários para o laudo. Em seguida, o corpo do jovem foi liberado para a funerária.
Mon, 20 Jan 2020 20:12:32 -0000
Idoso é suspeito de matar jovem com tiro de espingarda em Massapê do Piauí

Segundo a Polícia Militar, um homem de cerca de 70 anos é considerado suspeito de ser o autor do tiro que matou Erismar Mendes, de 26 anos.O suspeito fugiu logo após o crime. Idoso é suspeito de matar jovem com tiro de espingarda em Massapê do Piauí G1 PI O rapaz identificado como Erismar Mendes, de 28 anos, morreu após ser atingido por um tiro de espingarda no pescoço. O caso aconteceu na localidade Vilão, na zona rural do município de Massapê do Piauí, a 378 km de Teresina. O autor do disparo foi identificado mas está foragido. De acordo com a Polícia Militar, um homem cerca de 70 anos foi identificado como suspeito de ter atirado no rapaz. O crime aconteceu durante a noite de domingo (19), por volta das 19h, na casa do suspeito, onde funciona um bar. O idoso teria atirado com uma espingarda, e atingiu o pescoço da vítima. Erismar Mendes faleceu ainda no local, e o suspeito fugiu logo após o disparo. Ele foi identificado e é procurado pela Polícia Militar. Após o crime, a PM foi acionada e isolou o local para o trabalho da perícia. O caso é investigado pela Polícia Civil.
Mon, 20 Jan 2020 20:11:42 -0000
Sobe para 21 os casos notificados de intoxicação por dietilenoglicol em Minas, diz governo

Substância tóxica foi encontrada em cervejas da Backer, de acordo com a Polícia Civil. Cervejas da Backer são investigadas pela Polícia Civil e Ministério da Agricultura. Danilo Girundi/TV Globo Agora são 21 os casos de intoxicação por dietilenoglicol notificados pela Secretaria de Estado da Saúde de Minas Gerais. De acordo com boletim divulgado nesta segunda-feira (20), pacientes de São João Del Rei, Viçosa, Ubá, Belo Horizonte, Nova Lima e Capelinha apresentaram sintomas. Quatro pessoas morreram e 17 estão internadas em estado grave. Ainda segundo o órgão, são 19 homens e duas mulheres que apresentaram os sintomas. Quatro casos de intoxicação por dietilenoglicol foram confirmados e os 17 restantes continuam sob investigação. O que se sabe sobre investigação relativa à Backer e síndrome que afetou 19 pessoas em MG Até então chamada de síndrome nefroneural pelas autoridades de saúde, os casos passam a ser denominados, a partir de agora, de intoxicação por dietilenoglicol. A denominação de "síndrome", segundo a secretaria, era porque não se sabia o que estaria provocando quadros de insuficiência renal e alterações neurológicas nos pacientes. A Secretaria de Estado de Saúde explicou que apenas a Polícia Civil tem a tecnologia necessária para fazer exames e confirmar com precisão se os pacientes que estão internados foram contaminados pelo dietilenoglicol. Esta seria o motivo apontado pelo órgão para a demora da confirmação dos demais casos. "É rara a intoxicação por dietilenoglicol. A gente não sabe em relação a sequelas, evolução. Existe a possibilidade de que estes pacientes se recuperem, mas pode ser que também tenham sequelas", disse a infectologista e diretora do Hospital Eduardo de Menezes Virgínia Antunes de Andrade. Ministério aponta novos lotes de Belorizontina, da Backer, contaminados Danilo Girundi/TV Globo Sintomas Os sintomas começam a se manifestar nas primeiras 72 horas após a ingestão. Os primeiros sinais de intoxicação por dietilenoglicol são dores abdominais, náuseas e vômitos. Entre os sintomas estão alterações neurológicas e insuficiência renal. O tratamento é feito no hospital, com monitoração, e tem o etanol como antídoto. Além disso, os pacientes precisam passar por hemodiálise, para retirada do organismo dietilenoglicol e dos metabólicos produzidos. Resumo: Uma força-tarefa da polícia investiga 21 notificações de pessoas contaminadas após consumir cerveja; quatro morreram; Os sintomas da intoxicação incluem náusea, vômito e dor abdominal, que evoluem para insuficiência renal e alterações neurológicas; A Backer nega usar o dietilenoglicol na fabricação da cerveja; A cervejaria foi interditada, precisou fazer recall e interromper as vendas de todos os lotes produzidos desde outubro; A diretora da cervejaria disse que não sabe o que está acontecendo e pediu que clientes não consumam a cerveja; O governo de MG criou um portal para informar sobre intoxicação; À Justiça, a Backer apresentou um vídeo com suposto indício de sabotagem. Veja lista de mortes: Confirmada: Paschoal Dermatini Filho, de 55 anos. Ele estava internado em Juiz de Fora e morreu em 7 de janeiro. A morte causada por dietilenoglicol foi confirmada; Investigada: Antônio Márcio Quintão de Freitas, de 76 anos. Morreu no Hospital Mater Dei, em Belo Horizonte; Investigada: Milton Pires, de 89 anos. Morte confirmada pela SES nesta quinta-feira (16). Também morreu no Hospital Mater Dei; Investigada: Maria Augusta de Campos Cordeiro, de 60 anos. A morte havia sido notificada pela Secretaria Municipal de Saúde de Pompéu, mas só foi confirmada pela SES nesta quinta-feira (16). Initial plugin text
Mon, 20 Jan 2020 20:11:36 -0000
Homem suspeito de matar mulher que sequestrou bebê no DF é preso

Macsuel dos Santos Silva assassinou companheira com golpes de faca no peito, diz polícia. Vítima, Cevilha dos Santos, foi presa por roubar bebê em 2017. Indiciada presa suspeita sequestro sequestrar planaltina goiás bebê cevilha Reprodução/Polícia Civil A Polícia Civil do Distrito Federal prendeu, no último sábado (18), o suspeito de matar Cevilha Moreira dos Santos, de 45 anos. A mulher foi vítima de feminicídio em março de 2019, em Sobradinho. Em 2017, Cevilha Moreira ganhou notoriedade após sequestrar um bebê de três meses em uma agência de emprego no Conic, no centro de Brasília. Ela foi presa pelo crime (relembre abaixo). De acordo com os investigadores, Macsuel dos Santos Silva matou a companheira com golpes de faca no peito. Ele foi preso no em um povoado no município de Presidente Dutra, na Bahia. Bebê de três meses é sequestrado no centro de Brasília fachada da 13ª DP, em Sobradinho, no DF TV Globo/Reprodução Prisão de Macsuel De acordo com os investigadores, Macsuel dos Santos estava foragido há 10 meses e foi encontrado na casa de familiares, no sábado. Agentes da 13ª Delegacia de Policia, em Sobradinho, fizeram buscas no povoado Alto Bonito até encontrarem o suspeito. Os policiais cumpriram mandado de prisão temporária e trouxeram o homem para Brasília neste domingo (19). Ao G1, a delegada Agatha Braga informou que Macsuel ficou em silêncio durante a abordagem policial. "A abordagem foi muito rápida, por ser um pequeno povoado. De imediato já foi realizada a prisão." De acordo com a delegada, a equipe de policiais estava na região há três dias monitorando o foragido, esperando o momento aportuno para realizar a prisão. Morte de Cevilha Segundo a Polícia Civil, o crime ocorreu na madrugada do dia 11 de março do ano passado, na casa onde Cevilha Moreira dos Santos vivia com o companheiro, em Sobradinho. Além das facadas, a mulher foi encontrada com marcas de sangue na boca e no nariz, e com a língua inchada. Foto da mulher com o bebê no colo saindo do Conic PMDF/Divulgação Sequestro de bebê Em junho de 2017, Cevilha foi presa pelo sequestro de uma criança dentro de uma agência de empregos. A mãe do menino deixou a criança com a mulher enquanto fazia uma entrevista e, na volta, os dois tinham desaparecido. Uma câmera de segurança do prédio registrou o momento em que a mãe do bebê e a sequestradora se identificaram para entrar na agência (veja abaixo). Pouco depois, imagens de outra câmera mostraram Cevilha deixando o prédio com o bebê no colo. Sequestro de bebê no Conic, no Setor Comercial Sul, em Brasília A mulher foi encontrada em Planaltina de Goiás cerca de sete horas depois de ter levado a criança. A Polícia Militar de Goiás resgatou o bebê e o devolveu para a mãe biológica que mora em Sobradinho, no DF. Cevilha foi levada para a Cadeia Pública de Planaltina de Goiás e transferida para o DF em agosto. À época, ela foi condenada a 2 anos e 6 meses de prisão pelos crimes de subtração de incapaz e falsificação de documento público. Cevilha chegou a ficar presa na Penitenciária Feminina (a Colmeia). Em fevereiro de 2018, a Justiça concedeu a progressão da pena para o regime aberto e Cevilha passou, então, a cumprir o restante da pena fora da penitenciária, sendo obrigada a permanecer em casa das 22h às 5h e a comparecer à Justiça a cada dois meses. Outro preso por feminicídio Jovem é preso em Goiás suspeito de matar a companheira grávida a facadas Arquivo pessoal Neste domingo (19), a Polícia Civil prendeu outro suspeito de feminicídio no DF. Agentes da 35ª Delegacia de Polícia, em Sobradinho, cumpriram mandado de prisão contra Luiz Filipe Alves de Souza, de 21 anos. Ele foi preso em Anápolis, em Goiás. Segundo os investigadores, ele matou a companheira Luana Bezerra da Silva a facadas dentro de casa, em abril do ano passado. O suspeito estava foragido desde abril do ano passado. Leia mais notícias sobre a região no G1 DF.
Mon, 20 Jan 2020 20:10:05 -0000
Suspeito de assaltar casa de deputada que foi preso no Acre é transferido para MT

Ele foi preso em Epitaciolândia, no Acre, no dia 8 deste mês, durante a Operação Judas Iscariotes. Janaína Riva (MDB) teve a casa invadida por assaltantes JLSiqueira/ALMT Um dos suspeitos de envolvimento no assalto à casa da deputada estadual Janaína Riva (MDB), em dezembro, em Cuiabá, foi transferido para Mato Grosso. Ele foi preso em Epitaciolândia, no Acre, no dia 8 deste mês, durante a Operação Judas Iscariotes, da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Cuiabá, e estava temporariamente em Rio Branco. O roubo à casa da deputada ocorreu na madrugada de 24 de dezembro. Dois homens invadiram a residência da parlamentar no bairro Santa Rosa, na capital. Os homens conseguiram abrir o portão eletrônico e seguiram para o quarto do casal, agindo com agressividade e truculência e apontando as armas. Foram levados da casa joias, celular e dinheiro. Bandidos invadiram a casa da deputada Janaina Riva Durante as investigações da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos da capital, foram identificadas mais cinco pessoas envolvidas no crime, das quais três tiveram os mandados cumpridos durante a Operação Judas Iscariotes. Outras quatro foram presas em flagrante no dia do crime. O suspeito foi encaminhado a uma unidade prisional de Cuiabá. Na operação, três pessoas foram presas. Mas, logo depois do crime, dois homens e duas mulheres já tinham sido presos, com R$ 40 mil em dinheiro roubado da casa. Mulheres aparecem segurando maços de dinheiro PM-MT
Mon, 20 Jan 2020 20:09:39 -0000
Moradores sinalizam buraco com móvel em cruzamento de Bauru

Reparo é de responsabilidade da Secretaria de Obras da cidade, que prevê manutenção até a próxima sexta-feira (24). Moradores sinalizam buraco com rack em cruzamento de Bauru Bob Rodrigues/TV TEM Um móvel foi colocado por moradores para sinalizar um buraco na altura da quadra 4 no cruzamento entre as ruas Primeiro de Maio e Marconi, no Jardim Bela Vista em Bauru (SP). Imagens enviadas ao G1 mostram o móvel no meio da rua, oferecendo riscos de colisão aos motoristas que passam pelo local. O buraco fica próximo ao acesso de água e esgoto do Departamento de Água e Esgoto (DAE) e chegou a ser sinalizado com um cavalete logo após o móvel ser colocado. Em nota, a Secretaria de Obras da cidade informa que a manutenção é de responsabilidade da pasta, e que ainda não há um dia certo para para o reparo, mas que irá acontecer até a próxima sexta-feira (24). Moradores sinalizam buraco com móvel em cruzamento de Bauru Bob Rodrigues/TV TEM Veja mais notícias da região no G1 Bauru e Marília
Mon, 20 Jan 2020 20:09:24 -0000

This page was created in: 0.04 seconds

Copyright 2020 Oscar WiFi

This website or its third-party tools use cookies, which are necessary to its functioning and required to achieve the purposes illustrated in the cookie policy. By closing this banner, scrolling this page, clicking a link or continuing to browse otherwise, you agree to the use of cookies. If you want to know more or withdraw your consent to all or some of the cookies, please refer our Cookie Policy More info